domingo, 1 de abril de 2012

Desafio da Anita: 27. Sonho

Não vou falar do sonho, do meu sonho, que gostava que se visse concretizado, mas sim dos meus maravilhosos sonhos! Sonhos esses, que conseguem abordar as mais variadíssimas temáticas. Alguns fui publicando por aqui, para futura recordação, outros guardo carinhosamente no diário ou no bloco de notas do telemóvel, caso não tenha nada a mão onde escrever. 

Desde sonhar a que Hitler regressou dos mortos para saber o resultado de um jogo de futebol que tinha sido publicado num jornal que só eu tinha, até personificar um cacto gigante com um grande sombrero, já  sonhei com muita coisa idiota. 

O prato principal há uns anos atrás eram os comboios e metros. Túneis e elevadores. Agora nem tanto! Volta e meia continuam a ser macabros, mas para compensar surgem uns com um je ne sais quoi de comédia, como aquele em que a minha mãe começou aos berros com o meu pai por ele rezar o terço de hora em hora (no preciso momento em que ele o estava a fazer) ou aquele em que a minha falecida avó era daquelas bruxas que costumam estar numa tendinha, com um turbante na cabeça. 

Espero bem é que durante esta próxima semaninha de semi-férias, tenha noites com muitas horinhas de sono e sonho nenhum, que bem preciso de umas noitinhas descansada! 

E com isto vou é mesmo dormir, e ver se acabo este desafio de uma vez por todas amanhã! 
(e não estou a mentir!)


*

3 comentários:

  1. ahahahahah eu adoro os teus sonhos xD

    ResponderEliminar
  2. Por acaso nunca tive sonhos tão extravagantes!

    ResponderEliminar
  3. Esse do Hitler foi um pesadelo!! lol :P

    ResponderEliminar